CAUSAS, PREVENÇÕES E TRATAMENTOS PARA BURSITE E TENDINITE

 In Notícias

Quando ocorre a Síndrome do Impacto no Ombro, acompanhada de bursite e tendinite, o tratamento, na maioria das vezes, baseia-se na reabilitação fisioterápica. A medicação deve ser ministrada conforme o grau da dor. Assista ao vídeo com o Conselho do Especialista; clique aqui.

“Bursite e tendinite fazem parte de um diagnóstico maior chamado Síndrome do Impacto no Ombro, frequente em pessoas que precisam realizar, repetitivamente, atividades que envolvam a elevação do braço acima do nível do ombro”, explica o médico ortopedista, especialista em ombro, Luiz Ribas.

A Síndrome do Impacto no Ombro está associada ao estreitamento do espaço existente entre o acrômio (osso da extremidade do ombro) e a “cabeça” do úmero. Entre eles, estão o manguito rotador (conjunto de quatro tendões) e a bursa subacromial, que serve para lubrificar e, principalmente, impedir o atrito entre o acrômio e os tendões do manguito rotador.

Dr. Luiz Ribas, ortopedista do Vita, fala sobre a causa da bursite e da tendinite.

“Em geral, o problema é ocasionado por erros posturais”, diz o médico do Vita, Luiz Ribas.

O movimento de elevação do braço, naturalmente, reduz esse espaço e, realizado repetidas vezes, pode provocar a inflamação da bursa (bursite) ou dos tendões (tendinite). “Em geral, o problema é ocasionado por erros posturais”, diz Luiz Ribas.

FORTALECIMENTO É IMPORTANTE NA PREVENÇÃO

Esportes, como vôlei e judô, são alguns exemplos de atividades que exigem bastante do ombro.

Esportes, como vôlei e judô, são alguns exemplos de atividades que exigem bastante do ombro.

Algumas atividades exigem mais dessa região do corpo, o que torna seus praticantes mais suscetíveis à Síndrome do Impacto no Ombro e, consequentemente, à bursite e à tendinite. Esportes, como vôlei e judô, são alguns exemplos de atividades que exigem bastante dessa região do corpo.

Trabalhos para fortalecer a musculatura do ombro são essenciais para prevenir tais problemas. “Porém, quando ocorre a síndrome do impacto e há inflamação dos tendões ou da bursa, o tratamento, na maioria das vezes, baseia-se na reabilitação fisioterápica. A medicação, essencialmente analgésicos, deve ser ministrada conforme o grau da dor.”

Recommended Posts

Leave a Comment